Um sistema inovador: gerenciamento de riscos geotécnicos e planos de segurança de barragens

Fruto de uma pareceria da DTI Sistemas e uma de Consultoria de Estudos Geotécnicos, foi desenvolvido um sistema de gerenciamento de riscos geotécnicos utilizando o framework SmartGWT baseado no GWT (Google Web Toolkit).

Com o objetivo de aprimorar a gestão de segurança de estruturas geotécnicas de forma prática, rápida e integrada, o sistema reúne informações de classificação de riscos, colaboradores envolvidos, planos de respostas e prazos para tratamento dos eventos identificados para cada estrutura.

O  SmartGWT possui uma imensa gama de componentes disponíveis na sua biblioteca de widgets para aplicações UI. Demonstrações de utilização dos diversos tipos de componentes são encontrados no Showcase disponibilizado pela equipe de suporte ao framework (Isomorphic) aqui

Tais componentes, em alguns casos, como no dos grids e gráficos, apresentam funções interativas para que o usuário consiga alterar, por exemplo, o tipo de gráfico a ser exibido ou a ordem das colunas de um grid dinamicamente no lado cliente. Os gráficos desenhados através da biblioteca são feitos utilizando os padrões HTML5 e SVG, tornando-os compatíveis com os navegadores mais utilizados.

O SmartGWT encapsula HTML5 e Ajax, assim o código escrito na camada de apresentação é feito na linguagem Java e é traduzido de Java para JavaScript através do framework. Assim, a aplicação tem a característica de apresentar respostas rápidas ao usuário já que o código JavaScript roda apenas no lado cliente.

A IDE para desenvolvimento utilizando o SmartGWT é de fácil aprendizado e é facilmente integrada a plataformas de desenvolvimento Java, como no caso desse projeto no qual foi utilizado o Eclipse Java EE IDE for Web Developers, versão Juno Service Release 2.

Por ser um sistema gerencial, foi necessária a implementação de diversos gráficos. Apesar da ter sido desenvolvida utilizando o SmartGWT, para alguns gráficos do sistema foi utilizado o Google Charts, uma biblioteca JavaScript utilizada para a construção de Gráficos Web.

Como as informações das estruturas estão cadastradas, o sistema possibilita a geração automática de Planos de Segurança de Barragens (PSB), documentos exigidos pela Política Nacional de Segurança de Barragens (PNSB), com o objetivo óbvio de auxiliar na gestão da segurança.

Alem disso, o sistema desenvolvido possibilita também:

  • Consultas inteligentes ao histórico dos resultados das auditorias de barragens;
  • Evolução do nível de segurança das estruturas em função da gestão corrente;
  • Priorização de riscos e otimização do processo de tomada de decisão no que diz respeito a investimentos em estruturas geotécnicas;
  • Auxiliar na definição de valores para contratação de seguros e garantias financeiras.

 

Estruturação do sistema

 

Injeção de Dependências

Os objetos da camada de Negócio utilizados nos controladores são criados como beans do Spring através da injeção de dependências, o que torna o funcionamento dessa camada isolado da implementação feita na camada de Negócio.

Essa injeção de dependências é feita através do Spring Framework e seu atributo chave para anotar as dependências a serem injetadas sem necessidade de pré-configuração é o Autowired.

 

Geração de Relatórios e Planilhas

As lógicas e funções para montagem dos relatórios e planilhas Excel exportados pelo sistema também estão implementadas nessa camada. Para os documentos em formato PDF é utilizada a biblioteca “iText-2.1.7” e para os documentos XLS é utilizada a biblioteca “poi-3.1-FINAL”. As duas bibliotecas são gratuitas e as referências de documentação delas podem ser encontradas nos links que apontam para as páginas mantidas pelas equipes de suporte de cada uma.

Integração Contínua

Para a monitoração constante da qualidade durante o desenvolvimento, o sistema foi implementado em um ambiente de integração continua com base no Maven que é utilizado para gerenciar as dependências do projeto e as atualizações das bibliotecas.

 

Benefícios

Além da geração automática do Plano de Segurança de Barragens, o sistema desenvolvido permitiu o aprimoramento da gestão de segurança das estruturas geotécnicas de uma grande mineradora. Rápido, prático e integrado, o sistema de gerenciamento de riscos geotécnicos reúne informações macro e específicas de cada estrutura, bem como sua classificação de riscos, colaboradores envolvidos, planos de respostas e prazos para tratamento dos eventos identificados. 

 

Por: Douglas Silva
Revisão: Jéssica Saliba

Deixe um comentário