Uma das tarefas mais importantes e frequentes de um processamento de dados é a ordenação, ou classificação de dados. Existem diversos algoritmos utilizados para ordenação, cada qual com uma característica de como ocorre a ordenação. Selecionamos alguns dos principais algoritmos, que você pode conferir abaixo:

Bubble Sort: É um algoritmo de ordenação simples que consiste em percorrer a lista de dados comparando os dados adjacentes. De forma que ao realizar uma troca o algoritmo, volta para o início começando a varredura novamente.

Quick Sort: É o algoritmo mais popular de ordenação, considerado rápido e sendo bastante eficiente por utilizar técnicas de recursão sendo por isso considerado complexo. O método empregado utiliza a estratégia de dividir um vetor em duas partes, uma contendo os valores menores que o valor escolhido e outras com os valores maiores, aplicando o algoritmo em cada uma das partes. O processo é repetido até que se obtenham partes de tamanho um.  Abaixo, você pode conferir um exemplo da implementação do algoritmo Quick Sort em C#:

zanini

Seleção direta: Esse algoritmo baseia-se em passar sempre o menor valor do vetor para a primeira posição (ou o maior dependendo da ordem estabelecida), logo depois, o de segundo menor valor para a segunda posição e assim é feito sucessivamente com todos os elementos restantes.

Inserção Direta: É um algoritmo que percorre um vetor de elementos da esquerda para a direita e à medida que avança, deixa os elementos mais à esquerda ordenados.

Shell Sort: É um refinamento do método de inserção direta, por considerar vários segmentos para aplicar a inserção direta ao invés de considerar apenas um único segmento.  O algoritmo percorre a lista várias vezes, dividindo o grupo maior em grupos menores e aplicando o método de inserção direta nos grupos menores.

Esses são os principais algoritmos utilizados para a ordenação. Mas existem inúmeros outros, que você pode pesquisar e aprofundar,  conforme o seu interesse e o seu projeto requisitarem.  

Bom trabalho!

 

Por: Rafael Zanini

Revisão: Dandara Chaves

Deixe um comentário